Chegou a hora de colocar pra funcionar os hospitais estaduais de Luziânia, Águas Lindas de Goiás e SAD no Entorno do DF - Alô Goiás

Últimas

domingo, 5 de abril de 2020

Chegou a hora de colocar pra funcionar os hospitais estaduais de Luziânia, Águas Lindas de Goiás e SAD no Entorno do DF



O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), estranhou a decisão de Mandetta de custear a instalação de hospital de campanha em Águas Lindas de Goiás, no Entorno do DF, só porque o prefeito, Hildo do Candango (PSDB), é adversário político do governador Ronaldo Caiado, que é do DEM, mesmo partido do ministro





O Hospital Regional de Águas Lindas de Goiás, contará com pronto-socorro, 30 leitos de UTI (10 adulto, 10 pediátrico e 10 neonatal), 8 salas no centro cirúrgico, incluindo atendimento de obstetrícia, num total serão 137 leitos numa área construída de 11.405,62 m².


Hospital Regional de Águas lindas de Goiás - situação 95% concluído.

Ronaldo Caiado

Segundo as palavras do governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), em reunião com prefeitos da Região Integrada de Desenvolvimento do Distrito Federal e Entorno no início de 2019, que ocorreu para reativação da RIDE, ele falou no encontro que o Hospital Regional de Águas Lindas de Goiás, poderia ser inaugurado até o final de 2019 e não foi.

O governador Ibaneis Rocha (MDB) conhece de perto os problemas do Entorno, que até hoje não conta com nenhum hospital de grande porte. Os hospitais de Águas Lindas e Luziânia permanecem com as obras bem adiantadas mas inacabados. 

Ibaneis Rocha

“Em vez de hospital de campanha, Mandetta deveria liberar os R$1,5 milhão para concluir a obra do hospital de Águas Lindas, é tudo o que falta”, comentou Ibaneis.

Henrique Mandetta


Ao anunciar o hospital de campanha, Mandetta afirmou que o fazia para atender pedido de Caiado, que recentemente rompeu com o presidente Jair Bolsonaro, mas é seu correligionário. 

“O ministro Mandetta pode continuar usando o cargo e a pandemia para fazer política, mas precisa se lembrar que a obrigação de todos nós é cuidar das pessoas e não de interesses políticos ou partidários”, afirmou o governador do DF, Ibaneis Rocha.

 
Hospital Regional de Luziânia - situação: está praticamente pronto foi estadualizado recentemente.

Outro hospital que está praticamente pronto é Hospital Regional de Luziânia é uma das inúmeras obras planejadas e construídas na gestão do prefeito Cristóvão Tormin. Com 100% da obra física já concluída e mais de 70% de todos os equipamentos e mobiliários adquiridos.

Hospital Regional de Santo Antônio do Descoberto - situação 50% concluído com problemas na justiça.

Um hospital que está com situação complicada é o Hospital Regional de Santo Antônio do Descoberto, desde o início da construção, em 2001, a obra do hospital foi paralisada diversas vezes por problemas jurídicos e técnicos da administração municipal. Foram 12 anos sob gestão municipal, sem perspectivas de conclusão até a decisão do governo do estado de assumir a obra, mas agora com o comando do governador de Goiás, Ronaldo Caiado, que é médico, o hospital poderá ser concluído em poucos meses.

Historicamente abandonado pelos diversos governos estaduais de Goiás, os moradores do Entorno dependem do governo do DF para ter acesso a serviços públicos em saúde.


Fica a perguntas: Não é melhor colocar os hospitais de Luziânia, Águas Lindas de Goiás e Santo Antônio do Descoberto pra funcionar de forma definitiva ou você quer ter um hospital temporário?























Fica a pergunta: Não é melhor colocar os hospitais de Luziânia, Águas Lindas de Goiás e Santo Antônio do Descoberto pra funcionar de forma definitiva ou você quer ter um hospital temporário?

Nenhum comentário:

Postar um comentário